terça-feira, 17 de outubro de 2017

Boletim do Clube Português de Banda Desenhada nº1 (post Parte 3 de 3)

(Post 3 de 3)

O artigo do Boletim do CPBD, começado a ser transcrito na Parte 1 de 2 do presente post continua nas páginas 4 e 5 do fanzine sob análise, que transcreverei seguidamente: 
O artigo do Boletim do CPBD, começado a ser transcrito na Parte 1 de 2 do presente post continua nas páginas 4 e 5 do fanzine sob análise, que transcreverei seguidamente:O artigo do Boletim do CPBD, começado a ser transcrito na Parte 1 de 3 do presente post continua nas páginas 4 e 5 do fanzine sob análise, que transcreverei seguidamente:

      EDIÇÕES BERTRAND
      TINTIN - Semanal, 21x29, 36 pgs., 12$50
      Iniciando no nº 20, de 2 Out. 76, um novo lote de histórias em continuação, onde se destacam:
      - Lucky Luke em "Os Dalton no Canadá", por Morris
      - Jonathan em "Lembra-te Jonathan" por Cosey
      - Comanche em "O Deserto sem Luz" por Hermann e principalmente Blake & Mortimer na "Marca Amarela", que embora a preto e branco, faz reviver o entusiasmo que despertou esta obra de E.P. Jacobs, quando apareceu há duas décadas publicado no "Cavaleiro Andante".
      Fazemos uma pergunta: Para quando a divulgação dos trabalhos de Fred, Tardi e Druillet?
      Adiantamos uma sugestão: O preenchimento das páginas a preto e branco com "Os Escorpiões do Deserto" de Hugo Pratt e a reedição integral dos dois primeiros episódios das aventuras de Corentin de Paul Cuvelier.
     PORTUGAL PRESS
    JORNAL DO CUTO - Quinzenal, 20x27, 20 pgs., 10$00
    Reduzido a 20 páginas, a partir do nº 148, o arauto do entusiasmo de Roussado Pinto tem muito pouco espaço gráfico, assim mesmo podemos apreciar, número a número: 

EM CONSTRUÇÃO